terça-feira, 2 de agosto de 2011

Saia justa no Play



O Play do condominio estava vazio.... decidi descer com Tiguim.
Após 20 minutos lá, chegou uma tropa de mães, eram umas 5, cada um com seu filhote.
Então, ficamos em 6 mães, e 6 crianças no parquinho.
Como eu não conhecia nenhuma delas, fiquei quietinha na minha, mas Tiguim foi lá correndo onde estavam as outras crianças e se enturmou rapidamente.

Em um dado momento, uma das mães, abriu um saquinho cheio de pirulitos, e gritou:
- Quem quer um pirulito?

E saiu distribuindo entre as crianças que vieram com elas.
Pensa na cena:
- Pra vc! (e entrega na mão da criança)
- Pra vc! (e entrega na mão da outra criança)

Pula seu filho....
e continua entregando.

De-repente o olharzinho dele caiu, e ele me procurou entre os brinquedos, como se buscasse em meu olhar, um apoio. Alguém que o defendesse, que lutasse a favor dele por um docinho.

E nos levantamentos ao mesmo tempo.
Ele de um lado do parque, e eu do outro.

Nos encontramos no meio do parquinho...
Ja fui me abaixando pra falar com ele enquanto iamos chegando perto um do outro.
E ele me disse:
- Mamãe, "pilito" - eu quéio!

Pensa num misto de dor e ódio!
Foi o que eu senti naquele momento.

A vontade era dar uma baita lição de moral naquela mãe.
A outra era sair correndo dali e entrar no primeiro buteco, e comprar um milhão de pirulitos pro meu filho.

O que eu fiz?
Segunda opção.

Mãe e filho com os olhos lacrimejados, saímos do parquinho sem olhar pra trás.


Sabe, gente.
As vezes vocês podem pensar que eu fiz tempestade em copo dágua, e que a situação não requer tamanha mágoa.
Mas doeu, doeu muito.

A gente sempre leva alguma coisinha pros nossos filhos quando descemos ao Play, ou quando levamos eles ao Shopping, normal.
Mas precisamos ter discernimento nessas horas.

VC não é obrigada a alimentar todos ao seu redor, e sair distribuindo o que vc levou para o uso do seu filho.
Mas... discernimento ......

Eu, em nenhum momento da minha vida, fiz com o filho dos outros o que essa mãe fez com o meu...
Que eu me lembre não..


Toda vez que eu saio, levo sempre um pacotão de biscoito, sem miseria.
E quem estiver ao meu redor, conhecido ou não, sempre ofereço.

Sabe, doeu...
Ihhhhhhhhh, doeu!

32 Comentários:

Mamãe Nayara disse...

Dani não acho que vc esteja fazendo tempestade em copo d'água, pelo contrário, sei muito bem o tipo de sentimento que vc teve.
É muito ruim ver nosso filho sendo desprezado dessa forma, ainda mais por causa de um pirulito né? Pessoa que faz isso com uma criança para mim no mínimo não tem coração.
Eu também sou leoa se alguém faz isso com as minhas filhas, eu também sairia de lá direto para uma mercearia e provavelmente também com os olhos marejados.
Crueldade viu...
Tem gente que falta um pingo de absolutamente...
Fiquem com DEUS
Beijos

Caroline Pozzatti disse...

Doeu aqui também. =(

Fabrica dos princípes e princesa! disse...

Dani te acompanho a tempos, mas pela falta de tempo não comento, mas fiquei com o coração apertado só ler, imagino vc como mãe e presenciando essa cena, eu sinceramente agiria como vc, com o coração em pedaços compraria o pirulito pro meu(s) filho(s), mas antes (ou depois, voltaria lá) eu daria uma liçãozinha de moral nessa pessoa (pq mãe é uma palavra errada pra esse ser, pq mãe que é mãe nunca faz ao filho dos outros o que não se quer para o nosso)... A desalmada, sem coração devia ouvir umas boas lições de moral mesmooo, além de passar vergonha na frente das amigas(igualmente desalmadas)...

Fica assim não, pelo menos a gente sabe que o Tiguim, ao contrario de vc, já esqueceu, e que o castigo Divino não falha, pq desfazer de uma criança tbm é pecado!

Beijos lindaaa...Fiquem com Deus

Dai Santos disse...

Ai Dani que situação chata essa... com certeza vc fez o certo mais deve ter doido ai isso deve, tb saio com coisas na bolsa e nunca me recuso de dar a quem está proximo, o copo de água da Isabella é um chamarisco p/ atenção dos primos e eu dou ele mesmo assim pois as vezes a criança quer ver o quem dentro daquele copo, meu sobrinho pega e fica p/ lá e p/ cá com o copo na mão na boca e dizendo "mama" mesmo sendo só água.

Bjos

Devaneios de Mulher disse...

Ai Dani, sempre te leio mais é a primeira vez que comento.
Sabe, não acho que você tempestade em copo de água não. Muito pelo contrário, doeu aqui comigo e, já passei por isso.
Inclusive, já briguei com uma pessoa por isso.
Só Deus mesmo viu!

fica bem!

Beijo

Janna disse...

Dani, meus olhos se encheram de lágrima lendo seu post.
Nem sei qual é seria minha reação numa situação dessas...
Se eu não tenho para todas as crianças, não ofereço nem pra uma...
Cruel essa mulher!
Nem sei o que dizer!

Dina disse...

Nossa Dani eu não sei como eu reageria viu. Meu coração apertou aqui de ler suas palavras, imagine viver essa cena.

Acho que uma mãe que não oferece - o que seu filho está comendo - para outra criança é muito sem noção. Crianças não entendem, e tem vontades... Que essa mãe um dia aprenda, e não passe por isso que ela fez com vc viu.

vivika disse...

Além de ser sem noção total, essa mãe é uma mal educada!!! Mesmo que fosse com um adulto, seria muito feio o que ela fez!!!
Tadinho do seu filhote, minha filha tb ficaria bem sentida nesse caso...
E eu tb!
Mas graças à Deus o seu Tiguim tem uma mãezinha nota 10!
Fiquem com Deus!
bjs.

rainha disse...

danyyy, nunca aconteceu comigo.
mais eu faria a mesma coisa que vc.
nosssaaaa!
que mae é essa??? como faz isso!
tadinho do tiguim!
e ho: nao é tempestade no copo d'agua nao!

Giovana disse...

Ai, amiga, essa até em mim doeu... Que falta de educação, respeito, e tudo mais por parte dessa mãe...
Esses são pequenos principios que vem de berço e são pequenos ensinamentos que nos fazem sofrer mas que fazem nossos filhos crescerem. Certamente, ele tirou algum ensinamento daí que vai levar consigo pra sempre. Um beijinho pra cada um dos dois...

kkfaria disse...

Nossa que feio que essa demente fez. Se ela não tinha para dar pra todos, porque não esperou pra dar depois. Cruzes! Eu tb teria saido!

Marcia disse...

Puts, doeu em mim também... Que mulher mais insensível! Eu entendo o que sentiu, é pior do que se fosse com nós mesmas né. Da próxima vez dá uma indireta daquelas pra fulana se tocar.Um dia desses, entrei no elevador com o Gustavinho e uma mulher. O Gustavinho adora conversar e todo sorridente começou a puxar papo com a mulher. A infeliz não deu sequer um sorriso pra ele, nem olhou pra cara dele. Ai, fiquei tão nervosa!!!!! Eu disse assim " Se acostuma filho, tem gente que é muito mal-educada mesmo viu". Falo mesmo...rs. Beijos!!

Mãe de um principe disse...

Nossa eu arretada do jeito que sou acho que no minimo faria um carão para essa mãe se tocar da merda que fez, PQP cada gente sem noção! Doeu em mim tb amiga, mas logo passa e tomara que o filho dessa mãe não passe pelo mesmo e que tb não tome como exemplo esse da mãe mesquinha dele de excluir..aff tô indgnada. sinta-se abraçada vc e seu principe.

Carol Liôa disse...

eu faria a mesma coisa q você, mas antes fuzilaria aquela mãe com meus olhos! fiquei com odio dela!

Bibi Elias disse...

Dani, to REVOLTADA! PQP é o mínimo! Gente, que sacanagem fazer isso com uma criança... Aff! Vc não fez tempestado nenhuma, doeu aqui em mim, imagino o qto doeu em vc. Eu acho que esganava... Acho que catava o pirulito da mão de todo mundo e jogava no lixo! ÓDIO!!!
Olha, sem palavras...
Beijo enorme em vcs,
Bibi

Ju do Pinguinho da Mamãe disse...

Dói, e como dói...
Infelizmente existem "mães" e mães!!!
Absusrdo total, do jeito que eu sou bocão, teria feito as duas opções, compraria um milhão de pirulitos e ainda falaria com esta fulana.
Como diz minha tia: "Faça comigo, mas não faça com meus filhos"...
Bjs
Ju

Alessandra Ortiz disse...

Oi, sempre acompanho seu blog, mas não comento.
Mas dessa vez não podia deixar de comentar essa barbaridade!
Mãe sem noção.
Imagino a dor que vc sentiu na hora, eu sentiria o mesmo.
A criança não entende, e já ela como mãe não deveria ter feito isso.
Realmente é revoltante!
Bju.

disse...

sem comentários... ridículo o q essa pessoa fez... eu sentiria o mesmo que vc... meu coração ficou apertadinho pensando na carinha q o Tiguim deve ter feito... tadinho...
essa pessoa vai receber em troca pela atitude q teve... é a lei do retorno.

bjs pra vcs

Dany Barreto disse...

Dani, doeu em mim também... vivi aqui tudo enquanto eu lia! Já passei por situações parecidas e por "quatro" vezes né... e dá um ódio enorme!!! Viramos leoas mesmo... ainda mais quando vemos a decepção nos olhinhos dos nossos filhos. Força aí viu querida !! E um bjo enorme no Tiguim

Família Alves Lis disse...

Não acho que seja tempestade em copo d'água... pois só de ler o seu relato, em mim também doeu...:(

selma pereira disse...

Nossa Dani que horror, como pode uma mãe fazer isso com uma criança, sem coração e sem noção.

Fiquei triste me imaginado no seu lugar, mas fez bem.

Bjs.
Selma

Tuka Siqueira disse...

Se fosse comigo, antes de sair do play diria umas verdades pra essa mãe. Que feio isso!

bjs

Gaby Arena disse...

nossa aminha reação seria bater tanto nessa mãe

mi visita la no meu cantinho

Simone disse...

Doeu em mim, imagino em você!
Fazer isso com a gente até vai, mas com nossos filhos.... Ai que raiva!!!!

Ana disse...

Só posso dizer que as pessoas do seu prédio são mal educadas, faltam-lhe civilidade... É horrível vc. ter que conviver com pessoal com uma cultura tão abaixo da sua... sinto por vc. Mas da próxima vez, levante e suba antes da maloca se instalar. boa sorte

Força Maria Clara disse...

Dani, doeu em mim. E olha que nem mãe eu sou!
Que mulher mais sem noção!
Mas é isso....existem pessoas e pessoas...ainda bem que somos diferentes dessa daí!
Um beijo pra vc e o Tiguim!

In my world disse...

Sempre leio seu blog, nunca cheguei a comentar, mas acho maravilhoso, durante minha gestação era meu "livro de cabeceira"...rs
Fiquei indiguinada com essa situação!
Imagino vc, Dani...
Mas, vc fez bem o seu papel!

Beijos querida!


P.S: Seu filhote é lindo!

Aline

Verônica Prado disse...

Putz! Mas não é tempestade em copo dágua mesmo!
Que pessoa mais sem noção!
Meu corção ficou apertado aqui.
Eu faria a mesmíssima coisa que você...

Fiquem com Deus. Bjos!

Cris Bispo disse...

Vc tem toda a razão de ficar indignada. Insensibilidade total dessas mães.

O que eu sempre faço é perguntar para a mãe se posso oferecer. Às vezes a mãe quer que ele almoce dali a pouco ou não quer q ele coma doces. Sei lá. Sempre pergunto pra mãe antes e sempre que ela permite, ofereço.

Uma vez, só tinha sobrado um biscoito e minha filha lembrou q ele existia. Pois dividi com a coleguinha esse único biscoito.

O lord da diva disse...

ahhhhhhhhhh pese em uma mãe envenenada kkk seria eu haha jesus que mulher mai sem noção aff o day concordo com você viu, mai nao sei se eu sairia sem falar um monte =/ o dó do tiguim gente, é até um pecado =/
Gatinho quando vier pra S a tia Bia vai te dar 3 sacos de pirulito kkkkkk
bjs em vcs

Chris Ferreira disse...

Oi Dani,
é para doer mesmo. Muito sem noção essa mãe. Ou dá para todos ou não dá para ninguém. Não se faz isso com uma criança. Eu também iria comprar um saco cheio de "pilitos".
beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Lelê disse...

Dani doeu em mim. Que horrível! Que pessoa mal educada,nunca se faz isso nem com um adulto quanto mais com uma criança. Eu sempre ofereço para todas e até para crianças desconhecidas que nem estão brincando com minha filha, desde que os pais permitam, é claro. Sou capaz de não dar para minha filha para oferecer para outra criança se só tiver um (pirulito, bala, bolacha, etc.).
E se não tenho para todos não ofereço para ninguém.

Não sei o que faria numa situação dessas, mas essa mulher merecia uma boa chamada da sua atenção pelo que fez. Gostei do que disse a Márcia do Gustavinho.
Beijos Ale.

Related Posts with Thumbnails

Meu Orkut

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Receba atualizações no seu e-mail!

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO  

BlogBlogs.Com.Br